Novo estudo global da JCDecaux revela força da publicidade B2B em aeroportos e sua influência para novos negócios

Realizado em 12 países, o estudo “Aeroportos: Aberto para Negócios” analisou o comportamento e a percepção de grandes executivos em relação à mídia out of home no ambiente aeroportuário

9

A JCDecaux, líder mundial em mídia out of home, lança um estudo global que evidencia a força da publicidade B2B em aeroportos. O levantamento foi realizado a partir de uma análise detalhada do comportamento e da percepção da publicidade no ambiente por executivos de alto escalão de grandes empresas, uma das audiências prioritárias na comunicação aeroportuária. 

A pesquisa, realizada entre os meses de setembro e novembro de 2018, foi elaborada levando em consideração 12 grandes mercados de atuação da JCDecaux no mundo e concentrou-se, exclusivamente, nos BDMs (Business Decision Makers, executivos tomadores de decisão como diretores CEOs, CFOs e CTOs), fornecendo insights sobre a comunicação com esse grupo específico de anunciantes.

A JCDecaux analisou o comportamento dos BDMs em viagens de negócios em paralelo com a exposição à publicidade B2B nos aeroportos. Os principais insights dos dados revelam que o conceito de tempo espera no aeroporto para esse grupo representa um período ‘still time’, ou seja, 80% concorda ter mais tempo e oportunidade para explorar novas ideias para os seus negócios no ambiente, revelando uma oportunidade para as marcas B2B se conectarem a esse seleto público corporativo. 

O estudo mostra que os executivos entendem que voar a negócios é parte integrante de suas funções, sendo 95% a fatia de entrevistados que declararam voar com a mesma frequência ou com mais frequência para fins comerciais. Por meio de testes implícitos, a pesquisa provou que os BDMs associam mais fortemente os atributos das marcas bem-sucedidas à publicidade B2B no aeroporto, em comparação com a publicidade em qualquer mídia que não seja fora de casa. 

Além disso, a pesquisa indica que a publicidade B2B no aeroporto é um forte impulsionador da consideração de marca entre os executivos. Ela também influencia a tomada de ação, com 9 entre 10 BDMs que disseram ter iniciado novos projetos como resultado de ver publicidade relacionada a negócios no aeroporto. 

“Trata-se de uma audiência com significativa responsabilidade e influência orçamentária. O estudo prova que os executivos não só percebem a publicidade no aeroporto, como também são receptivos e agem de acordo com ela, tornando-a mais relevante do que nunca. Dessa forma, pretendemos utiliza-lo como argumento de mercado para os anunciantes, possibilitando novos negócios no ambiente aeroportuário no país”, explica Ana Célia Biondi, diretora geral da JCDecaux no Brasil, um dos países analisados na pesquisa.

PUBLICIDADE
COMPARTILHAR